Como combater as fake news nas redes sociais?

Home / All  / News  / Como combater as fake news nas redes sociais?

Por Fernanda Andrade
03/10/2018

 

As fake news se tornaram inimigas públicas dos veículos de comunicação. Por todo canto, seja nos meios de comunicação tradicionais, ou nas redes sociais digitais, a guerra contra as notícias falsas tem sua bandeira hasteada.

E para não apenas evitar que essas sejam compartilhadas, mas também efetivamente combatê-las, diversas empresas que transitam, principalmente, no ambiente digital, vêm criando maneiras de identificar, rastrear, ranquear e punir quem as cria e compartilha.

O Facebook entrou recentemente para essa lista. Sendo a maior rede social da atualidade, com aproximadamente 2 milhões de usuários ativos por mês, é nela que grande parte das fake news são disseminadas.

Com isso, a plataforma desenvolveu um sistema de avaliação e desempenho para conseguir ranquear a credibilidade de seus usuários, o que, segundo a gerente de produto da rede social, Tessa Lyons, irá ajudar a combater a desinformação e as notícias falsas.

Caso você ainda não tenha percebido, agora em determinadas postagens da plataforma há, ao lado dos comentários, duas setas: uma para cima, indicando ranqueamento positivo, outra para baixo, indicando ranqueamento negativo.

Porém, essa nova ferramenta não tem por intenção ser um indicador absoluto da credibilidade dos usuários, mas sim tornar-se um termômetro para que o Facebook comece a entender quais usuários têm mais probabilidade de sinalizar conteúdos que são problemáticos e quais editores/páginas são considerados confiáveis, pelos próprios usuários da rede.

A rede ainda não tem uma posição quanto a divulgação das notas para os usuários.